• 12h às 18h
  • Atendimento:
  • 28 3548-1101

O Ballet Educart de Irupi e os bastidores do ensaio do espetáculo A Floresta Encantada

07/12/2014 

Para o erro, uma correção e para o acerto, aplausos. Assim é o ensaio geral das alunas do Ballet Educart de Irupi.  Bailarinas, bonecas, princesas são várias, mas todas são meninas encantadas pela dança e ensaiam em busca do melhor resultado. O foco, o grande espetáculo "A Floresta Encantada". A apresentação será realizada no dia 12 de dezembro integrando a programação de fim de ano da Secretaria de Cultura de Irupi.

 

E são muitas meninas. De acordo com a professora Gely Valério, são 123 crianças inscritas no projeto. No inicio das atividades eram 43 integrantes. O sucesso do Ballet Educart Irupi é tão grande que triplicou o número de alunas.  As aulas de ballet funcionam duas vezes por semana e atende meninas com idades entre três a 13 anos.

 

 

 

Mas não é nada fácil, as bailarinas irupienses são cobradas e precisam de atenção, boa postura e ritmo. Os benefícios são extensos aumenta a concentração, flexibilidade, resistência corporal, postura, desenvolvimento intelectual, expressão e memória, corrige e melhora postura entre outros. “Além dos benefícios físicos e mentais temos o aumento da autoestima, e o convívio com outra meninas construindo novas amizades”, explicou Gely.

 

              BASTIDORES 

 

O ensaio geral para o grande espetáculo estava marcado para às 9h, do último sábado. Aos poucos, acompanhadas das mães, as bailarinas irupienses começaram a chegar na sala de dança da Secretaria de Cultura de Irupi. As meninas maiores ajudam as menores a prenderem  os cabelos, amarrarem as sapatilhas e saias, e assim, está tudo pronto para o ensaio. Ao sinal da professora Gely e ao início da musica, por coreografia, as bailarinas se preparam para dançar. Com alguns ajustes e mais ensaios está quase tudo pronto para o que toda bailarina deseja: o grande dia, o dia do grande espetáculo.

 

 

DISCIPLINA E CARINHO

 

 

 

 

Nathany Caroline ao centro da foto rodeada pelas colegas do Ballet Educart. 

 

 

A bailarina irupiense Laiza Gabriela Cazati também  é uma das alunas atenta aos ensaios. “Gosto das coreografias, da postura. Gosto quando apresentamos e observamos o encantamento das nossas famílias enquanto nos assiste. Vê-los no espetáculo com sorriso no rosto me dá a certeza que a nossa dedicação foi compensada", conclui Laiza.

Na foto em pose de bailarina, Laiza Casati.

 

CONFIRA TODAS AS IMAGENS DOS BASTIDORES DO ENSAIO NA GALERIA DE FOTOS DO SITE